Princípios ativos em produtos para a pele – como agem

Uma das muitas dúvidas para quem está pensando em adotar um produto para usar na pele para barrar os efeitos da idade e da passagem do tempo é quais os produtos químicos mais eficientes para melhorar a pele, e como é possível amenizar os efeitos da idade através da tecnologia da química ativa. Por isso, preparamos esse texto explicando quais os principais componentes presentes em cremes e suplementos que podem ajudar você a tornar sua pele mais bonita e mais jovem!

Cremes para a pele
Cremes para a pele

Ácido Tricloroacético (TCA)

É um agente que pode ser combinado com outros ácidos ou utilizado sozinho. Presente na fórmula de vários produtos para a pele como o Lift X, pode ser aplicado sozinho quando o uso é para tratar cicatrizes e rugas profundas a moderadas pois tem ação de quebra do tecido vivo. Ou uso combinado em cremes mais superficiais.

  • Suaviza linhas finas e rugas superficiais
  • Ajuda no controle da acne
  • Corrige problemas de pigmento
  • Leia mais em no artigo do Lift X

Fenol

Solução química mais forte disponível para tratamento. Pode causar risco para pacientes com histórico de doenças cardíacas. Tem um efeito mais agressivo podendo inclusive eliminar sardas. Está presente na composição do suplemento para a pele Oxinova.

  • Corrige pigmentação irregular causada pelo sol, pílulas anticoncepcionais e envelhecimento;
  • Suaviza rugas grossas;
  • Remove crescimentos pré-cancerígenos;
  • Leia mais em no artigo do Oxinova.

Onde pode ser aplicado

Na face, pescoço, peito, mãos e pernas desde que utilizado o ácido correto para considerando cada região.

Quantidade de cremes necessários

A quantidade depende da intensidade do creme. Os mais suaves podem ser necessários mais de uma aplicação. Para todos os tipos de cremes é necessário sempre o complemento com o protetor solar para não causar danos a pele fragilizada além de utiliza-lo na sua rotina para a manutenção da qualidade da pele.

Preparação da pele

Alguns cremes podem necessitar o tratamento prévio da pele com ácido retinóico e cremes AHA.

Recuperação

A recuperação depende da intensidade do creme. Os cremes mais profundos requerem repouso, pois a pele fica fragilizada demais. Outros permitem voltar para o trabalho no mesmo dia apesar de terem alguns reflexos na aparência da pele, como vermelhidão. O vermelhidão pode durar de 3 a 5 dias. E nos mais profundos pode ocorrer inchaço e aparecimento de cascas no período de 7 a 14 dias. Se prepare para a descamação da pele que demora alguns dias e também depende do quão agressivo foi o creme.

Tratamento com a pele
Tratamento com a pele

Possíveis complicações

As duas principais causas de complicações são a farmacologia e aplicação errada. Solução salina e bicarbonato de sódio devem estar sempre a mão para a neutralização dos ácidos. O resultado pode ser uma mudança de cor anormal permanente na pele. Nos cremes mais fortes também pode gerar cicatrizes caso você manipule as feridas/cascas geradas na pele. Elas devem se descolar naturalmente.